Borboleteando...

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
A vontade impulsiva de escrever e depois de ver tantos blogs interessantes me levou a criar um também... como borboleta, vou borboleteando por aí, sem saber onde isso vai dar nem onde irei parar... Bons vôos... εïз~*~

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

quinta-feira, 12 de junho de 2008

Se você quer ser minha namorada,
Ah que linda namorada você poderia ser
Se quiser ser somente minha exatamente esta coisinha,
Esta coisa toda minha que ninguém mais pode ser,
Você tem que me fazer um juramento,
De só ter um pensamento,
Ser só minha até morrer,
E também de não perder esse jeitinho,
De falar devagarinho,
Estas histórias de você,
E de repente me fazer muito carinho,
E chorar bem de mansinho sem ninguém saber porque,
E se mais do que minha namorada,
Você quer ser,
Minha amada,
Minha amada mas amada pra valer,
Aquela amada pelo amor predestinada,
Sem a qual a vida é nada,
Sem a qual se quer morrer.

Você tem, que vir comigo em meu caminho,
E talvez o meu caminho, seja triste pra você,
Os teus olhos tem que ser, só dos meus olhos,
E os seus braços, o meu ninho,
No silêncio de depois,
E você tem, que ser a estrela derradeira,
Minha amiga e companheira,
No infinito de nós dois.

Música: Minha Namorada
Autoria: Carlo Lira e Vinicius de Morais



O tal dia dos namorados já está terminando e não tinha como deixar de comentar a respeito aqui no blog, né?


Aí resolvi colocar essa música do Vinicinho (reparou na intimidade? É que eu ia casar com ele, já tava tudo certo, mas ele achou de morrer quando eu tinha um ano de idade, que droga!) .


Nunca vi uma pessoa pra cantar o amor tão bem como ele... era intenso em tudo que fazia, com esse jeitinho meio malandro, carinhoso como o quê, com seus diminutivos: seu amigo era o tal doTomzinho, cantava sua musiquinnha, bebia seu whiskynho, amava sua mulherzinha, fazia gostoso um amorzinho, e, dessa forma, era por aí que ele ia hipnotizando quem achasse pela frente.


Então, minha homenagem vai a ele, nesse dia dos namorados, e a todos os amores do mundo, namorados ou não (pode até ser um que esteja na categoria de "quase" mas que tenha "muuuuito em comum", rsrs) porque o que importa que é tenhamos a consciência de que amar vale a pena, ah se vale...


Abraços aos apaixonados que por aqui borboletearem...



Pensamentinho de Cabeceira:

" E eu que era triste,

descrente desse mundo,

ao encontrar você eu conheci

o que é felicidade, meu amor"

(Quem é que canta mesmo? Ah, o Tom Jobim, rs)




29 comentários:

Just Luana XP disse...

Amo Tom Jobin!
E amo borboletas tbm!
Adorei o blog!!
^^
http://informassom.blogspot.com/

Celso R. Costa (Digo) disse...

Sammy, muito legal você postar Vinicius de Moraes e Tom Jobim neste dia mais que especial. São dois mestres com as palavras, principalmente falando de amor. De uma olhada no meu blog, pois tem um post sobre o dia dos namorados também, só que falando de cinema.

Perséfone disse...

Tudo o que o Vini escreve eh apaixonante, e nao ha melhor pessoa que ele para deixar esse dia num clima mais gostoso ainda! Os namorados ficam mais apaixonados e os solteiros derretidos...uhauahuaha

Vini...iuajuahuaha
abreviei o seu apelido carinhoso
nao sei se vc vai concordar, mas ficou com um charme a mais...uahuahuaha

obrigada pelo comentario
volte sempre! =)

Perséfone disse...

volte sempre ao blog
cantodasbrisas.blogspot.com

esqueci de escrever
uahuahauhauha

Euzer Lopes disse...

Tom, Vinícius... Dois gênios. Poetas do coração.
Capazes de amolecer até a mais dura das pedras que muitos insistem em carregar dentro do peito.

LUCAS DE OLIVEIRA disse...

muito bonito!

abçs

lucas

Felipe disse...

poxa, adorei sua homenagem ao vinicinho! Muito boa sacada.

JúNiOr_DeSeNhO disse...

Muito bom seu texto!! Bom blog!

desuairma disse...

Vinícius de Morais,
se estivesse vivo,
eu viveria atrás de vozes como a dele, de poetas como o mesmo...


Ah! Ele foi ... eu era nova ainda =/

dani cabrera disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Dih da Pâhzinha... disse...

Lindo texto...
E acho que todos colocaram algo sobre o dia dos namorados!!!
Eu fiz uma homenagem pra minha namorada!!!

Abraço

http://www.avidanobeco.com/

dani cabrera disse...

Grande Vinicius!
Um parâmetro de amor feliz. Hoje eu estava observando algumas coisas enquanto esperava o "meu bem". Ouvia algumas coisas do Amarante e estou pensando em postar ali esse pensamento maquiado de crônica.

Poisé moça, esses morangos... rs
São alguns códigos que eu até pensei que passariam mais camuflados... rs : )

Grande beijo pra você!!! :D

Vanna disse...

Nossa, q bom vc ter m encontrado. Vim batendo minhas asas correndo p/ conhecer teu cantinho e adorei a surpresa.
Bjs, tomara possamos manter mais este canal d comunicação.
Bom fim d semana.

Guilherme disse...

belo poema


abraços

ivana albernaz disse...

Tom sempre bom!!

;**

Elisete disse...

Gostei do seu tema, amo as borboletas. Muito bom.


http://assinaturas-elisete.blogspot.com/

Priscilla Jequitibá disse...

lindo!
adoro Vinicios
e amo Tom de paixão!!!

Daniely disse...

Olá mocinha!Retribuindo-lhe a visita...gostei muito do seu post...Vinícius é mesmo muito lindo, alguém certa feita disse que só os amores não correspondidos criavam bela poesia, tomara que ele tenha sido uma exceção a essa regra, senão seria apostar que ele tinha sofrido demais...rsrs
um beijo moça!

ED CAVALCANTE disse...

O DIA DOS NAMORADOS, ASSIM COMO OUTROS ÍCONES COMEMORATIVOS PERDERAM O BRILHO POR CONTA DO DINDIN. CABE A CADA UM TENTAR DAR UM POCO DE POESIA A ESSE MOMENTO!

Giselle Vergna disse...

Olá moça...olha que legal, somos as duas Leoninas e temos a mesma idade, só faltava ser do mesmo dia né. Qual o dia do seu aniversário, só por curiosidade. O meu é 08/08.

Obrigado pela visitinha.

É você borboleteando e eu sapeando rs.

Beijos, lindo blog!

*Lusinha* disse...

Realmente, as palavras de Vinicius são umas das mais bonitas que já encontrei por ai falando do amor.
Bjitos!

Leandro Munis disse...

Também me casaria com a Elis Regina mas ela resolveu morrer quando faltava 8 meses pra eu nascer. :P

Luh Testoni disse...

ahhh, Tom e Vinicius sao maravilhosos!!

post perfeito pro dia!

Fernando Gomes disse...

Obrigado pelo comentário no post do dia dos namorados ontem.

Acho que não ficou claro lá no texto, mas o tipo de amor que eu não acredito mais é justamente o banalizado, o midiático e sensacionalista.

Amor à família, amigos, amor-próprio e amor sincero entre duas pessoas, esse eu ainda acredito. hehehe

Valeu pela visita.

Não deixe de visitar:
And I Said Goddamn!

ღ mey ♥¨`*•.¸¸.•*´¨♥ღ disse...

adorei a ideia do blog e seu titulo, tbm me sinto uma borboleta as vezes!

bejaum

Aline Castro disse...

Seu blog está em um bom caminho. gostei dos escritos,mas virei depois com calma para cometar melhor.
Por qneuanto, só agradeço a visita e sinta-se bem-vinda.

:)

Mustafa Şenalp disse...

çok güzel site . :)))

blog disse...

Boa homenagem ao poetinha - que de diminutivo não tinha nada.
Vinícius é o poeta maior de sua geração.
Na música, foi lírico, amoroso, irônico, sacana.
O que mais o ouvidor pode querer?
Valeu a postagem, menina.

Lana Haydée Kaolin disse...

nossa...
mas Tom é tudo de bom, mesmo, hein...
e escutar deitada no colo do amor, então... PERFEITO!!!