Borboleteando...

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
A vontade impulsiva de escrever e depois de ver tantos blogs interessantes me levou a criar um também... como borboleta, vou borboleteando por aí, sem saber onde isso vai dar nem onde irei parar... Bons vôos... εïз~*~

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

quarta-feira, 4 de junho de 2008

Recomeçar é preciso. Sempre!

Não importa onde você parou…em que momento da vida você cansou…o que importa é que sempre é possível enecessário “Recomeçar”.
Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo…é renovar as esperanças na vida e o mais importante…acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período? Foi aprendizado…
Chorou muito? Foi limpeza da alma…
Ficou com raiva das pessoas? Foi para perdoá-las um dia…
Sentiu-se só por diversas vezes? É porque fechaste a porta até para os anjos…
Acreditou que tudo estava perdido? Era o início da tua melhora…
Pois é…agora é hora de reiniciar…de pensar na luz…de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal um corte de cabelo arrojado…diferente?Um novo curso…ou aquele velho desejo de aprender a pintar…desenhar…dominar o computador…ou qualquer outra coisa…
Olha quanto desafio…quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te esperando.
Tá se sentindo sozinho? Besteira…tem tanta gente que você afastou com o seu “período de isolamento”…tem tanta gente esperando apenas um sorriso teu para “chegar” perto de você.
Quando nos trancamos na tristeza…nem nós mesmos nos suportamos…ficamos horríveis…o mal humor vai comendo nosso fígado…até a boca fica amarga.
Recomeçar…hoje é um bom dia para começar novos desafios.
Onde você quer chegar? Ir alto…sonhe alto… queira o melhor do melhor… queira coisas boas para a vida…pensando assim trazemos prá nós aquilo que desejamos…se pensamos pequeno…coisas pequenas teremos…
Já se desejarmos fortemente o melhor e principalmente lutarmos pelo melhor…o melhor vai se instalar na nossa vida.E é hoje o dia da faxina mental…joga fora tudo que te prende ao passado… ao mundinho de coisas tristes…
Fotos…peças de roupa, papel de bala…ingressos de cinema, bilhetes de viagens…e toda aquela tranqueira que guardamos quando nos julgamos apaixonados…jogue tudo fora… mas principalmente…esvazie seu coração… fique pronto para a vida…para um novo amor…
Lembre-se somos apaixonáveis…somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes…afinal de contas…Nós somos o “Amor”…
"Porque sou do tamanho daquilo que vejo, e não do tamanho da minha altura.”
(Carlos Drummond de Andrade)


Como tô numa fase de recomeço, vou recomeçar meu Blog, pq vi que aqui tenho mais opções pra editar (er... digo... não é que tenha mais opções, é que pra uma analfas em html como eu, fica muito mais fácil editar meus posts por aqui).

Diante de tudo isso, descobri (não, não, confesso: eu já sabia!) o quanto sou apegada às coisas. A vontade que me deu foi de carregar os posts do outro blog todos pra cá [:o]. E vou te contar, só não fiz isso pq não ia dar conta, tem muitos posts e fotos e pensamentinhos de cabeceira, e... ai que saudade!

Enquanto não descubro se tenho TOC (rsrs, brincadeira! Ou... será que eu tenho?), não vou desativar o antigo. Aí quando a saudade bater, eu volto lá e fico lendo, lendo e lendo... ¬¬''

Mas o Borboleteando continua numa boa, com as musiquinhas e textinhos, com meus devaneios e com meus pensamentinhos de cabeceira. Maaaaaaaaas, com uma novidade: agora vai ter espaço pra comentários de quem passear por aqui (coisa meiga)! Huahuahauhauahuahaua!

Bom, vou indo... Um abraço bem apertado a quem por aqui borboletear!


Pensamentinho de cabeceira:

Eu te desejo
Não parar tão cedo
Pois toda idade
temPrazer e medo...
E com os que erram
Feio e bastante
Que você consiga
Ser tolerante...
Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero...
Desejo!Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar
Eu te desejo muitos amigos
Mas que em um
Você possa confiar
E que tenha até
Inimigos
Prá você não deixar
De duvidar...
Quando você ficar triste
Que seja por um dia
E não o ano inteiro
E que você descubra
Que rir é bom
Mas que rir de tudo
É desespero...
Desejo!Que você tenha a quem amar
E quando estiver bem cansado
Ainda, exista amor
Prá recomeçar
Eu desejo!Que você ganhe dinheiro
Pois é preciso
Viver também
E que você diga a ele
Pelo menos uma vez
Quem é mesmo
O dono de quem...
(Frejat)


4 comentários:

Bezerra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bezerra disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Cissiane disse...

aêeee...
Vou ser a primeira a postar? Huahuahuahuahuahua

Recomeçar é sempre bom não é?! Por que cada recomeço nos impulsiona pra frente superando novos obstáculos e consequentemente, nos tornando cada vez mais fortes e com uma bagagem maior em termos de aprendizado.
Ei minha amor, só conserva essa essência linda, cheia de brilho e cores que você carrega no olhar de menina sapeca, e segue nesse novo caminho sorrindo, cantando e seguindo a canção... rs
Amo-tu...
Bjão

Santhiago Ramirez disse...

Vim conhecer o início de seus trabalhos. Lindo blog.
Beijos carinhosos do Thiago