Borboleteando...

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
A vontade impulsiva de escrever e depois de ver tantos blogs interessantes me levou a criar um também... como borboleta, vou borboleteando por aí, sem saber onde isso vai dar nem onde irei parar... Bons vôos... εïз~*~

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

domingo, 7 de dezembro de 2008

Mais uma de amor envolvendo a Menina e o Coração...

Só por Hoje
Legião Urbana
Composição: Renato Russo


Só por hoje eu não quero mais chorar
Só por hoje eu espero conseguir
Aceitar o que passou o que virá
Só por hoje vou me lembrar que sou feliz
Hoje já sei que sou tudo que preciso ser
Não preciso me desculpar e nem te convencer
O mundo é radical
Não sei onde estou indo
Só sei que não estou perdido
Aprendi a viver um dia de cada vez
Só por hoje eu não vou me machucar
Só por hoje eu não quero me esquecer
Que há algumas pouco vinte quatro horas
Quase joguei a minha vida inteira fora
Não não não não
Viver é uma dádiva fatal!
No fim das contas ninguém sai vivo daqui mas
-Vamos com calma !
Só por hoje eu não quero mais chorar
Só por hoje eu não vou me destruir
Posso até ficar triste se eu quiser
É só por hoje, ao menos isso eu aprendi


No relógio da Igrejinha soavam as cinco badaladas e a menina viu-se atrasada. Seus passos acompanharam o ritmo acelerado dos batimentos do coração. Um sorriso estampava o rosto e, ao dar um esbarrão na senhora repleta de compras, soltou uma gargalhada, seguida de um abraço e um beijo na bochecha gorda da mulher, estupefata:
-Você não sabe, querida senhora! Estou indo encontrar o Coração! E estou atrasada! - então saiu numa carreira disparada, lembrando ainda, do meio do quarteirão em voltar o rosto pra trás e gritar, às gargalhadas, um sonoro: "Desculpa pelos pacotes derrubados!"
Chegou ofegante ao local marcado, onde um impaciente Coração caminhava para lá e para cá, a olhar o relógio de dez em dez segundos. Abraços. Beijos. Palavras sussurradas aos ouvidos.
Sentaram-se à mesinha mais discreta, aquela que ficava no cantinho da esquerda e tinha uma flor de plástico dentro de uma garrafa de vinho vazia. Deram as mãos, seus olhos se encontraram e o tempo pareceu parar naquele fim de tarde. Nada fora dito, balbuciado, sussurrado... apenas aqueles olhares e sorrisos expressavam todas as palavras, principalmente aquelas que ainda não foram inventadas para exprimir tamanha sensação de afeto e cumplicidade que ali existia.
Por mais que tivessem escolhido a mesinha mais desprezada e escondida, aquela atmosfera de carinho acabou por afetar o lugar inteiro... A moça da mesa em frente parou com sua rosquinha no ar, embevecida com aquela troca de energia; o rapaz da mesa três comprou um bolinho em forma de coração para dar à sua amada e a senhora sentada próximo à janela (sim, a mesma do esbarrão) encheu os olhos d'água, lembrando do amor d'outrora e compreendendo perfeitamente tudo que ali acontecia. Ah, como ela entendia... tanto que saiu dali e passou na floricultura. Levou o mais belo ramalhete para colorir e perfumar o túmulo onde jazia seu coração...
Pensamentinho de Cabeceira:
Ai, ai
Vai ver é só você
Ai, ai
Vai ver é só você querer
Distante, imaginar
Caberia a quem dizer:
"Amor, eu vivo tão sozinho de saudade"
(Marcelo Camelo)

23 comentários:

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Ai que delícia de história, tão terna, tão mágica!
Eu tbm fiquei com vontade de levar flores onde está enterrado o meu coração...
beijos e borboleteios

Max Psycho disse...

Menina apesar de eu não suportar o amor em si, eu achei muito bom seu texto, meus parabéns baby, bju grande e ótima semana

- tácii disse...

Liiiinda história ! *-*
Ah! vlw pelo conselho e pelo comentário lá no meu blog viu?!
bjoooK :*

Desventuras em Série disse...

Lindonaaaaaaa..!! Tudo beeem com você, queridaa???

Texto maravilhoso....adoreeei muitoo muitoo..!!

E o pensamento de cabeceira?? Seem comentários.... =)

Beijãoo querida...ótima semana pra você.!

www.manufatura-nova.blogspot.com disse...

Heyyyyyyyyy!!

Retornei!=DD
E vc, cm sempre, com seus textos maravilhosos!! Estava com saudade de vir aqui!=]

-----------------------------------------
Olá! O Endereço do Blog Manufatura-Nova agora tem um "tracinho" no meio! ;) Acesse:
http://manufatura-nova.blogspot.com/

Milla disse...

Aaahhhh q lindo!!! A verdade é que quando o sentimento é grande, contagia a tudo e todos!!!
Amei!!! Ameeeii!!!

Bjooo!

Cαгolinα disse...

eu nao acredito muito em amor nao.. sabe.. so acredito no amor de pai/mae pra filho e olhe la.. ainda nao vivi um amor intenso, desses que a gente demonstra em historias como essa que voce escreveu.. acho muito bonito, mas gostaria mesmo de sentir uma dessas na vida real.. espero nao está pedindo muito, preciso reerguer essa muralha que está por cima de onde deveria estar o amor!

*Lusinha* disse...

Também acredito que o amor de algumas pessoas possa servir de inspiração para outras.
Bjitos!

T.N.C.S. - Tayla e Helô. disse...

Lindaa...a gente ta passando pra avisa que tem post novo lá no nosso blog.!!

Dá uma conferida depois..!! =)

Beijaaao.!

India disse...

eu tô meio nessa de só por hoje!

Sarinha disse...

é.. que dia encontro na esquinaa o meu coração???

Ameeeii a letra dessa musicaa!! hahaha

Bjuuu gemeaa!!

N.M disse...

vai logo ler ele!haushaus
ah que bom que comprou =D
EBA alguém seguiu minhas recomendações!rsrsrs
quando começar a ler me avisa e diz o que achou!
beeejos*

Dois Rios disse...

Oi Sammyra! Estava com saudades daqui!
Cheguei em boa hora porque o seu texto é muuuuito bom.
Já perdi as contas das vezes que depositei flores no túmulo do meu coração. O bom é que ele sobreviveu a todas as "mortes" de amor e continua amando.

Beijos, minha linda!
Inês

Sabrina Sancler disse...

q história mágica..envolvente xDDD

pois ééé..esses dread são tp tererês..vai sair na rua uma uma borboleta mesmo..sauhsuhau

bjuss linda

"Rafaela Pimentel" disse...

Liiindo!!
Como td ke encontro por aki ^^

Bonecah de Pano disse...

Eu chorei no fim do post..
Acreditaaa?
Tá sumida do meu blog.
Saudade das suas visitas!

Adoro você.

Beeijo.

CANSEI DO INTERIOR disse...

Olha quemmmm ta aqui?
haha voltei com tudoooo
Nossa que saudadeee daquiiiii
Acabei de postar te esperooo laaaa
Me dah um tepinho só pra organizar as coisas
;)

LaLa! disse...

Ain a musica do Renato Russo é perfeita néh *.* amo ele
e desculpa a demora pra responde ré ki eu tava sem net =(
E tipo claro que foi a melhor gripe que eu peguei, depois ele ainda falo pra mim "quem mandou vc ficar na chuva, não foi eu num tah!!!" e me deu um abraço, *.*

Muito feliz porque amnhã é o meu niver *.* (10/12)
Bjos

mateusbonez disse...

Ameeei Sammyra, vs sabe como tocar meu coração, chegando até a alma e deixando a marca essencial que preciso de temas como amor, saudade e lição de vida. Adoro aqui :D

Espero vs, grande beeeeeeijo
http://tiomah.blogspot.com/

Dani disse...

Renato Russo é o cara :D
Viver com intensidade tem sido uma das coisas que eu procuro fazer! Hehe

Julia disse...

adorei seu blog! *---*
Da uma olhadinha no meu? Beijos

bibi disse...

nossa, qe fofa essa historia. eh simples e ao mesmo tempo tao magica ! :D:D
adorei como vce finalizou ela ! *---*

http://diarioderolos.blogspot.com

JP disse...

"...a borboleta conta momentos e não horas e tem tempo bastante para ser feliz..."

adorei seu blog.....