Borboleteando...

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .
A vontade impulsiva de escrever e depois de ver tantos blogs interessantes me levou a criar um também... como borboleta, vou borboleteando por aí, sem saber onde isso vai dar nem onde irei parar... Bons vôos... εïз~*~

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .

terça-feira, 23 de setembro de 2008

Mais uma da menina e o coração...

Borboletas
Luciana Mello
Composição: Indisponível


Borboletas são tão belas o que seria delas
Se não pudessem voar?
O céu e as estrelas não poderiam vê-las passar
Lá fora eu vejo um mundo
E sinto lá no fundo
Que aqui não é o meu lugar
Eu sou pequenininha e fico aqui sozinha a sonhar
O meu coração me diz
Que um dia vou ser feliz
Voar para bem longe como eu sempre quis
Um dia eu tive a chance de ter ao meu alcance
O que fez transformar
Sonho em realidade, escuridão em brilho no olhar
Eu vi que na verdade
A dor um dia pode ter fim
Achei a liberdade, ela tava dentro de mim
O meu coração me diz
Agora eu já sou feliz
Voei para bem longe como eu sempre quis


A menina acordou sem abrir os olhos... espreguiçou-se e, nessa espreguiçada, seu braço esquerdo tocou em algo. Opa! Não era algo, era alguém! então era verdade, não fora mais um sonho feliz! Ele estava lá, ele mesmo, o coração, dormindinho tranquilo, bem ali ao lado seu.
Teve pena de acordar e ficou ali, quietinha, quase sem respirar, observando aquela cena digna de ser imortalizada pelo mais célebre pintor... como era lindo aquele coração dormindo... Então ela sentou de pernas cruzadas, colocou os cotovelos sobre os joelhos, segurando o rosto, e relembrou cada momento vivenciado naquela noite... os beijos, os sussurros, o toque, as palavras ditas... É, a menina pararia o tempo naquela noite!
Então o coração foi mexendo preguiçosamente, até abrir os olhos e se deparar com a menina a velar seu sono! Trocaram mais alguns beijos, conversaram sobre a maravilha que é ver algo que antes era sonho tornar-se real, abraçaram-se e ficaram ali, conversando amenidades, falando sobre a vida, que como alguém cantou, é bonita, é bonita e é bonita (ao menos naquele momento)!
Almoçaram juntos, deram algumas (muitas) risadas, uma vez que a felicidade estampava seus rostos, fizeram alguns planos pra depois, mas seguiram felizes vivendo o agora, que no momento, era só o que importava...*
*Porque eu também gosto de escrever contos de vez em quando... rs
Pensamentinho de Cabeceira:
"A felicidade é uma coisa boa
E tão delicada também
Tem flores e amores
De todas as cores
Tem ninhos de passarinhos
Tudo de bom ela tem
E é por ela ser assim tão delicada
Que eu trato dela sempre muito bem"
(Vinicinho e o Tomzinho)

26 comentários:

Max Psycho disse...

com certeza mais tarde o coração acabou por desaponmtar a menina, pois é sempre assim no final, bjus gata linda

Dois Rios disse...

Pois é, Sammyra, a vida é feita de pequenos momentos. Quando se vê, já passou.

Beijos,

Inês

"O Autor", disse...

Preciso de borboletas!

Katarina disse...

E deveria escrever sempre, pois escreve contos tao bem qto poesia!

Um grande abraço.

Lua Sollara disse...

Ai Ai Ai...
Lindinho demais seu conto... =)
E diferente do Max eu acredito em Coração que ama...rsrsrs... mesmo que seja por um momento. =)

Marih disse...

Pequeninos momentos de imensa felicidade. A menina do conto anda apaixonada!!!!!
Adorei a letra, mas nunca ouvi a música, vou procurar pra baixar!
BJOO

Camila Colossi disse...

adoreei o pensamento xD
ee eeu amoo borboletas :)
hehee

bejoo

Tay disse...

Passando pra deixar um beijinho...
Tay

Anny disse...

vc escreve contos muito bem!
Deveria escrever mais!
Assim acontece com todos,momentos felizes chegam e passam num estalar de dedos!

bjos florzinha!♥

Daniela Filipini (: disse...

Liinda histórinha, linda musica, linda frase. Tudo lindo ;D AIEAEHIOA
Pode deixar que eu faço um luau! kkkkkk

ºDreº disse...

Que lindoooo
Super fofo
Tah apaixonada?
Muito lindo o seu post.
Na verdade, todos os seus posts são.
Beijão

Quase Trinta disse...

hummmmmm q história gostosa.. q dias assim se repitam muito na vida da menina e na minha tb...rssssssssss

•.¸¸.ஐBruneLLa Wyvern disse...

Doce!
Lindo!
*_____________*
Pequenos momentos que se eternizam na alma...
Beijos e borboleteios pra vc!

Sofi *-* disse...

Que liindo*-*
Como seria bom se a gente pudesse parar a nossa vida nos melhores momentos dela neh?

E de fato não existe nada melhor do que acordar ao lado do 'coração' *-*

Fazer planos pro futuro mas curtir apenas o presente, cada momento.. eu conseguii!! Aprendi a fazer isso *-*
Saudade de vc!!

beijooes

máa :* disse...

O tempo poderia congelar nesses momentos. Apesar de que, perderíamos tantos outros! ;*

Zunnnn disse...

deveria escrever mais contos..
gostei do seu estilo.

quanto ao seu coração ao lado da cama...
não pergunte se...
o sonho estendeu, depois de abrir os olhos...

abraço moça

mateusbonez disse...

Okey, assim que eu encontrar a editora te mandarei um dos primeiros exemplares OKSAOAKS *-*

UAU, adoreii :D Esse texto foi profundo, falou comigo em diversos pontos sammyra :D Tá tudo lindo como sempre *-*

Espero vs lá no meo \o
Beeijãooo linda ;D
http://tiomah.blogspot.com

Tatah Marley's Confissões disse...

é, e o coração no fim, sempre acab nos pregando umas peças que vale-me Deus!
Mais no fundo é bom, pra aprendermos a nas proximas vezes, sermos mais fortes!
beijinhos

Natália Pereira disse...

Lindo o conto...a gente tem mesmo que aproveitar o agora, pq o futuro ninguém sabe o que reserva, e se a gente ficar pensando muito no futuro, perde o presente e se arrepende depois.

Beijos

Sarinha disse...

Tem momentos que a gente deseja tanto viver.. que ao mesmo tempo que ta perto tá tao longee.. né?

aii, adoreii essa musicaa aii.. coloquei no meu orkut...

Some do meu blog nao viu??

BJuus

αnnє, disse...

ownnn, volteeeeei *------------*
adoraay o post, como sempre *-*

sem teempo, beijooo ;***

aninhah #) disse...

liiindo!
vi teu blog na comunidade e add na minha lista ^^
passarei mias vezes por aqui!
beijão!

O Profeta disse...

Olhos brilhantes maré tardia
Cabelos rebeldes em desalinho
Pés descalços no, frio barro
Um berlinde atirado ao caminho

Um bando de alegres pardais
Ou um domador de tempestades
Apenas um pássaro charlatão
Dividindo o pão em metades


Vem mergulhar nas águas do sonho de capitão do Calhau


Bom fim de semana



Mágico beijo

Abóbrinha disse...

Se eu te falar uma coisa vc naum vai acreditar..
E não é brincadeira TE JURO
Vc descreveu o dia em que eu conheci meu namorado e que eu perdi a virgindade com ele (sim foi no mesmo dia aoeaeooae). CERTINHO..
Como se você estivesse presente naquele momento. até as minhas ações meus pensamentos. '-'

JIME disse...

Mil borboletas para você...
Bom fim de semana.
Beijos.

Ellaehcarioca disse...

Gostei,principalmente isso, trato da felicidade muito bem, rs.

Tem selinho pra vc.BOA SEMANA!!!Bjs